Guia dos Periféricos

Mouse gamer: Testamos mais de 20 modelos para te mostrar o melhor!

Em busca do melhor mouse gamer de 2023? O Manual da Compra testou e selecionou os top mouses do mercado para te ajudar a escolher o melhor modelo de acordo com suas preferências e orçamento! De desempenho superior a designs ergonômicos, nossa lista tem tudo o que você precisa para elevar seu jogo ao próximo nível.

Em 2023 nós fizemos mais de 20 reviews de mouses aqui no Manual da Compra, por isso deixaremos o link de review, caso você deseje saber mais sobre o mouse gamer em questão.

Buscamos montar uma lista que atenda a todos os tipos de consumidores. Busca um mouse gamer barato? Tem aqui. Quer um mouse para FPS? Tem aqui também. Mouse gamer sem fio? Tem na lista!

Opção baratinha

Melhor Preço

Melhor mouse gamer abaixo de R$ 100

Melhor Preço

Queridinho dos consumidores

Melhor Preço

Iluminação RGB bonita

Melhor Preço

Opção ultraleve da Corsair

Melhor Preço

Um mouse pequeno e barato

Melhor Preço

Ótimo custo-benefício.

Melhor Preço

Modelo ultraleve

Melhor Preço

Bom para jogadores de FPS

Melhor Preço

O melhor mouse leve

Melhor Preço

1º - Fortrek Vickers RGB

Fortrek Vickers RGB

Quando testei o Fortrek Vickers RGB, fiquei impressionado com o que ele oferece pelo preço de R$ 79. É um mouse gamer barato que não decepciona, especialmente para quem joga casualmente. Com um sensor PIXART 3519, ele alcança até 4200 DPI, o que é mais do que suficiente para a maioria dos jogos que testei, como LoL e VALORANT.

O design é simples, mas eficaz, com iluminação RGB que, apesar de não ser personalizável via software, ainda oferece um charme especial com seus seis modos de animação. Seu acabamento em plástico ABS é básico, mas a lateral texturizada e os botões responsivos compensam isso. O cabo trançado de 1,7 metros também passa uma sensação de durabilidade.

Em termos de conforto, o Vickers RGB encaixou bem na minha mão com uma pegada palm, e acredito que se adapta bem a outras pegadas também. O clique é um pouco mais duro do que estou acostumado, mas não é um problema.

Durante os testes, notei uma leve aceleração positiva em movimentos muito rápidos, mas isso não afetou minha jogabilidade em níveis casuais. O software de configuração é um pouco datado visualmente, mas faz o trabalho, permitindo ajustes de DPI e programação de macros.

Em resumo, o Fortrek Vickers RGB é um melhor mouse gamer para quem não quer gastar muito, mas ainda deseja qualidade e desempenho decentes em jogos. É um mouse baratinho que cumpre o que promete e se destaca como uma opção de entrada muito válida.

Pontos positivos do Fortrek Vickers RGB:

  • Preço acessível
  • Bom desempenho em jogos casuais
  • Confortável para várias pegadas
  • Iluminação RGB atraente
  • Software funcional para configuração

Pontos negativos do Fortrek Vickers RGB:

  • Acabamento básico
  • Iluminação RGB não personalizável pelo software
Melhor PreçoReview Completo

2º - AOC Agon AGM700

AOC Agon AGM700

O AOC Agon AGM700 é o meu mouse de uso pessoal, e devo dizer que pelo preço médio de R$ 79, ele é o melhor mouse gamer barato do momento. Equipado com um sensor PixArt 3389 e uma resolução de até 16.000 DPI configuráveis, este mouse oferece uma precisão incrível, essencial para os jogos que exigem os movimentos mais rápidos e precisos.

O design é elegante, com luzes RGB configuráveis que adicionam um toque de personalidade ao setup. O acabamento em plástico liso na parte superior e os botões com aparência de metal escovado dão uma sensação premium que não se espera em um mouse baratinho. Inicialmente, a superfície lisa me fez deslizar um pouco a mão, mas foi algo a que me adaptei rapidamente.

O AGM700 tem um peso inicial de 98 gramas, mas com o sistema de pesos removíveis, consegui ajustá-lo para se adequar à minha preferência, o que fez uma diferença significativa na jogabilidade.

Os switches Omron com promessa de 50 milhões de cliques me deram a confiança de que este mouse durará muito tempo, e está durando, já que o uso diariamente há mais de dois anos!

O software de customização é um dos pontos altos, permitindo uma personalização detalhada dos oito botões programáveis e dos perfis de DPI. Isso é particularmente útil para jogos MMO, onde a necessidade de uma vasta gama de comandos é alta. Além disso, a capacidade de armazenar perfis no próprio mouse é um recurso que aprecio muito, pois permite alternar entre configurações para diferentes jogos com facilidade.

Para jogadores de FPS, o mouse baratinho da AOC tem um botão vermelho chamado de “Mira”. Ao manter o botão pressionado, o DPI do mouse abaixa consideravelmente, ajudando a manter a mira estável. É uma função bem legal, mas confesso que não cheguei a usá-la muito em minhas partidas de VALORANT.

Em conclusão, o AOC Agon AGM700 se destaca como um dos melhores mouses gamers em termos de valor pelo dinheiro. Oferece uma combinação de desempenho, personalização e qualidade de construção que é difícil de encontrar nessa faixa de preço. Se você está procurando um melhor mouse sem fio que não vai esvaziar sua carteira, o AGM700 merece sua atenção.

Pontos positivos do AOC Agon AGM700:

  • Preço competitivo
  • Sensor de alta qualidade
  • Personalização avançada via software
  • Design elegante com RGB
  • Controle de peso ajustável

Pontos negativos do AOC Agon AGM700:

  • Superfície lisa pode ser escorregadia inicialmente
  • Pode não ser ideal para mãos muito grandes
Melhor PreçoReview Completo

3º - Redragon - Cobra M711

Redragon - Cobra M711

Minha experiência com o Redragon Cobra M711 foi bastante positiva, e a boa notícia é que ele também é barato, por isso está na lista dos melhores mouses de 2023. Ele traz uma combinação de recursos e desempenho que é difícil de superar nessa faixa de preço. Com um sensor PIXART PMW3325 e DPI ajustável até 10.000, ele fornece a precisão necessária para jogos que demandam reações rápidas e movimentos precisos.

O design é atraente, com uma iluminação LED RGB totalmente customizável que contorna o mouse, iluminando tanto a logo quanto o botão de rolagem. O acabamento é feito de plástico com uma camada superior emborrachada, que oferece uma boa aderência, apesar de ser um pouco propenso a manchas. As laterais texturizadas e os botões lisos contribuem para uma pegada firme e confortável.

O Cobra M711 pesa 130 gramas com o cabo, o que pode ser um pouco mais pesado do que alguns preferem, mas não afetou negativamente a minha experiência de uso. O cabo de 1,9 metros é resistente e termina com um conector USB banhado a ouro. Esse cabo é legal e aparenta ser durável, embora não seja tão flexível quanto os cabos paracord encontrados em alguns outros modelos.

O Cobra M711 se mostrou confortável em todas as três pegadas principais (palm, claw e fingertip), adaptando-se bem a diferentes tamanhos de mão. No entanto, o deslize do mouse não é tão suave quanto poderia ser, o que pode ser uma desvantagem para jogadores de FPS que utilizam sensibilidade baixa e precisam de movimentos grandes e fluidos.

O software de configuração da Redragon é intuitivo e oferece uma ampla gama de opções de personalização, desde a iluminação RGB até a programação de botões e ajustes de DPI. Além disso, a capacidade de salvar perfis diretamente no mouse é um recurso legal para alternar rapidamente entre diferentes configurações para jogos ou tarefas específicas.

Em resumo, o Redragon Cobra M711 é uma excelente escolha para quem procura um mouse gamer barato que não comprometa o desempenho. Ele oferece uma experiência de uso confortável, personalização detalhada e um desempenho sólido que satisfará a maioria dos jogadores, especialmente aqueles que estão começando no mundo dos jogos e procuram um melhor mouse sem fio com um orçamento limitado.

Pontos positivos do Redragon Cobra M711:

  • Preço acessível
  • Sensor de qualidade com DPI ajustável
  • Iluminação RGB customizável
  • Confortável para várias pegadas e tamanhos de mão
  • Software intuitivo com opções de personalização

Pontos negativos do Redragon Cobra M711:

  • Deslize não tão suave em alguns mousepads
  • Acabamento emborrachado pode manchar facilmente
  • Botão de rolagem um pouco duro no início
Melhor PreçoReview Completo

4º - HyperX Pulsefire Surge

HyperX Pulsefire Surge

O HyperX Pulsefire Surge é um mouse gamer um pouco mais caro que os anteriores, mas ainda uma ótima opção para quem busca um modelo bom e de marca confiável. É uma ótima escolha para quem gosta de iluminação RGB, pois aqui ela acontece em 360°! Também é uma maravilha em termos de desempenho graças ao sensor Pixart 3389, que ainda se mantém bom no mercado e traz um DPI máximo de 16.000.

O design do mouse HyperX é bem pensado, com um acabamento superior em plástico que, apesar de ser um ímã para marcas de dedos, é complementado por laterais emborrachadas que quase passam despercebidas. Os pés de teflon na parte inferior garantem um deslize suave, algo que valorizo bastante em um mouse gamer baratinho.

O Pulsefire Surge é um mouse de tamanho médio, pesando 100 gramas sem o cabo. Para mim, que estou acostumado com mouses mais leves, houve um período de adaptação ao peso. No entanto, ele se mostrou confortável para várias pegadas, especialmente para mãos de tamanho médio como as minhas.

O desempenho do sensor é exemplar, com testes de precisão e aceleração confirmando a qualidade do rastreamento, mesmo em altos DPIs. Isso é crucial para jogos que exigem movimentos rápidos e precisos, e o Surge não decepciona.

O software NGENUITY é um ponto alto, oferecendo uma personalização incrivelmente detalhada, desde a iluminação até as funções dos botões. A capacidade de salvar perfis diretamente no mouse é outro ponto positivo que gosto, permitindo que eu leve o mouse para usar em outros computadores e continue com as minhas configurações.

A combinação de conforto, desempenho e personalização faz do HyperX Pulsefire Surge um dos melhores mouses gamers disponíveis, especialmente para aqueles que valorizam uma experiência de jogo aprimorada sem gastar uma fortuna.

Pontos positivos do HyperX Pulsefire Surge:

  • Conforto em diferentes pegadas
  • Desempenho de sensor de alto nível
  • Iluminação RGB em 360° totalmente configurável
  • Software de customização completo
  • Preço acessível para o que oferece

Pontos negativos do HyperX Pulsefire Surge:

  • Não ideal para mãos muito grandes
  • Pequenos problemas de aceleração detectados nos testes
Melhor PreçoReview Completo

5º - Corsair Katar Pro RGB

Corsair Katar Pro RGB

Um dos melhores mouses gamer da nossa seleção em termos de leveza é o Corsair Katar Pro RGB. Com apenas 69 gramas, ele se destaca entre os mouses "ultra-leves", uma tendência crescente entre os entusiastas de jogos. O Katar Pro RGB combina um design eficiente e discreto com uma iluminação RGB elegante no scroll, ideal para quem aprecia um visual mais sóbrio em seu mouse gamer.

A ergonomia do Katar Pro RGB é otimizada para mãos de tamanho pequeno a médio, com botões laterais bem posicionados para um uso confortável e intuitivo. Embora possa não ser o mouse gamer perfeito para usuários com mãos grandes, sua configuração se adapta bem às pegadas Fingertip e Claw, como pude verificar pessoalmente. A pegada Palm pode não ser ideal, mas as outras opções oferecem conforto suficiente.

Equipado com o sensor PAW3327, este mouse gamer custo-benefício alcança até 12.400 DPI, proporcionando uma gama de sensibilidades para atender a qualquer estilo de jogo. Apesar do seu preço acessível, o Katar Pro RGB não economiza em funcionalidades.

O software iCUE da Corsair expande as possibilidades de personalização, desde ajustes de DPI até programação de macros, fazendo deste mouse uma opção versátil e poderosa para qualquer gamer.

O único ponto negativo que encontramos nesse mouse é justamente para que mãos grandes, pois podem sentir pequenos desconfortos em alguns tipos de pegadas. Fora isso, o Katar Pro RGB é uma ótima indicação de mouse gamer.

Pontos positivos do Corsair Katar Pro RGB:

  • Preço acessível
  • Design ultraleve e confortável
  • Personalização completa via software iCUE
  • Sensor de alta precisão com até 12.400 DPI
  • Iluminação RGB discreta e elegante

Pontos negativos do Corsair Katar Pro RGB:

  • Não é bom para mãos grandes
Melhor PreçoReview Completo

6º - Razer Viper Mini

Razer Viper Mini

O Razer Viper Mini é um dos melhores mouses gamers para quem busca um modelo pequeno e leve. Ele é ideal para quem tem mãos pequenas ou médias, oferecendo conforto e uma pegada firme graças ao acabamento plástico com textura áspera. O visual é relativamente discreto para um mouse gamer, com detalhes em preto piano e iluminação RGB configurável que adiciona um toque de estilo sem exagero.

Equipado com um sensor óptico (cujo modelo a Razer não revela), o Viper Mini alcança até 8.500 DPI, o que é mais do que suficiente para a maioria dos usuários. Durante os testes, o mouse apresentou um rastreamento preciso, com apenas pequenas distorções que não afetaram o desempenho prático no uso em jogos ou mesmo no cotidiano.

O cabo do Viper Mini é outro ponto alto, com 1,8 metros de comprimento e uma flexibilidade que promete arrasto mínimo, contribuindo para movimentos suaves e precisos. Os seis botões programáveis, incluindo dois botões laterais e um botão de troca rápida de DPI, são complementados pelos switches ópticos da Razer, conhecidos pela resposta rápida e durabilidade.

O software Razer Synapse 3.0 permite ajustes detalhados nos botões, DPI, taxa de Polling Rate e até mesmo na iluminação RGB. A possibilidade de calibrar o mouse com o mousepad em uso é um bônus que pode melhorar ainda mais a precisão.

O Razer Viper Mini é uma excelente escolha para quem busca um mouse gamer leve, confortável e com bom desempenho, sem gastar muito. Embora possa não ser ideal para quem tem mãos grandes, ele se destaca pela combinação de qualidade de construção, desempenho e personalização.

Pontos positivos do Razer Viper Mini:

  • Design leve e confortável para mãos pequenas e médias
  • Acabamento de qualidade com textura áspera para boa aderência
  • Sensor óptico preciso com até 8.500 DPI
  • Cabo flexível de 1,8 metros para movimentos suaves
  • Seis botões programáveis com switches ópticos da Razer
  • Software Razer Synapse 3.0 para personalização avançada

Pontos negativos do Razer Viper Mini:

  • Pode não ser adequado para usuários com mãos grandes
  • Chassi ambidestro limita a versatilidade para canhotos
Melhor PreçoReview Completo

7º - Logitech G203

Logitech G203

O Logitech G203 é uma ótima escolha de mouse gamer custo-benefício, e em boas promoções ele fica por preços que valem a pena o investimento. Ele é confortável, tem bom desempenho, iluminação RGB e é totalmente customizável via software. É até difícil encontrar pontos negativos, sendo uma opção melhor até que alguns mouses mais caros.

O design do G203 é simples e elegante, com iluminação RGB que destaca a logo da Logitech e uma faixa que percorre o dispositivo. O acabamento em plástico é resistente e o mouse é confortável para quase todos os tamanhos de mãos e pegadas, embora favoreça usuários destros devido à posição dos botões laterais.

O sensor óptico Mercury da Logitech, com um DPI que varia de 200 a 8.000, oferece um desempenho sólido. Os testes de precisão e aceleração confirmam a qualidade do rastreamento, apesar de pequenas distorções que não afetam a experiência prática.

O software G-Hub permite uma configuração completa, desde o DPI até a iluminação RGB, com opções de customização que incluem sincronização com cores da tela ou reação ao áudio.

É um mouse gamer simples e que vai direto ao ponto, o que é algo muito positivo. O único ponto negativo que encontramos é que ele pode não ser a melhor escolha para quem tem pegada Palm em mãos médias e grandes.

Para quem procura um mouse baratinho com desempenho que se compara a modelos mais caros, o Logitech G203 é uma excelente escolha! Ele oferece conforto, personalização e desempenho por um preço que desafia a concorrência, posicionando-se como um dos melhores mouses gamers em termos de custo-benefício.

Pontos positivos do Logitech G203:

  • Preço acessível
  • Desempenho bom em jogos
  • Acabamento resistente
  • Iluminação RGB configurável
  • Confortável para diversas pegadas

Pontos negativos do Logitech G203:

  • Não ideal para pegada palm em mãos médias e grandes
Melhor PreçoReview Completo

8º - HyperX Pulsefire Haste

HyperX Pulsefire Haste

O HyperX tem vários modelos Pulsefire em seus mouses, e o Pulsefire Haste é a escolha certa para quem busca um Mouse Ultra-Leve. Ele se destaca pela sua leveza extrema, pesando apenas 59 gramas. Este peso é alcançado através de um design de concha hexagonal, que além de leve, proporciona uma estética única.

O mouse gamer da HyperX traz design ambidestro, mas tem botões laterais posicionados apenas do lado esquerdo, o que pode ser um ponto de atenção para usuários canhotos. Eu gostei muito do conforto que o mouse proporciona, mas usuários com mãos menores tendem a encontrar maior conforto utilizando as pegadas palm e claw, enquanto aqueles com mãos maiores podem preferir as pegadas claw e fingertip.

O acabamento em plástico preto fosco é robusto e o mouse conta com iluminação RGB no scroll, adicionando um toque “gamer” ao dispositivo. Os pés de PTFE na parte inferior garantem um deslizamento suave em qualquer superfície, e o cabo paracord flexível é um bônus para movimentos sem restrições.

O sensor PAW3335 do HyperX Pulsefire Haste oferece um DPI máximo de 16 mil, com uma velocidade de rastreamento de 450ips e aceleração de 40G. Embora a configuração de DPI seja limitada a ajustes de 100 em 100, isso não compromete a precisão e a resposta do mouse durante o uso intenso em jogos.

O software Ngenuity da HyperX permite uma personalização detalhada, desde a iluminação até as funções dos botões, embora a falta de memória interna signifique que você não pode salvar perfis diretamente no mouse.

Para quem busca um mouse gamer ultra-leve e de alto desempenho, o HyperX Pulsefire Haste é uma escolha excepcional. Apesar de alguns pontos negativos, como a acumulação de poeira e a falta de memória interna, ele se mantém como um dos melhores mouses gamers para aqueles que valorizam a leveza e a velocidade em seus movimentos.

Pontos positivos do HyperX Pulsefire Haste:

  • Extremamente leve e ágil
  • Design hexagonal único
  • Desempenho sólido em jogos
  • Personalização via software
  • Cabo paracord flexível

Pontos negativos do HyperX Pulsefire Haste:

  • Acumula poeira devido ao design hexagonal
  • Falta de memória interna
Melhor PreçoReview Completo

9º - Corsair M65 RGB Elite

Corsair M65 RGB Elite

O Corsair M65 RGB Elite é um dos melhores mouses gamers da Corsair atualmente, e ao testá-lo a primeira coisa que notei foi o seu ajuste de peso, capaz de deixar o mouse com 97 ou 115 gramas. O design é robusto e futurista, com um chassi de alumínio que dá uma sensação de durabilidade sem comprometer a estética.

O sensor óptico de 18.000 DPI é muito bom, capturando cada movimento com uma precisão quase surreal. Para jogos de tiro, isso é fundamental, e o botão de ajuste de DPI dedicado permite mudanças rápidas em meio à ação. Além disso, o botão Sniper é um recurso que, embora eu não use frequentemente, pode ser um diferencial para quem gosta de games de FPS. Ao apertá-lo, o mouse diminui o DPI drasticamente, deixando a mira mais estável.

A ergonomia é bem pensada, com uma forma que se adapta naturalmente à mão. Para mim, que tenho mãos de tamanho médio, o mouse se encaixou perfeitamente tanto na pegada palm quanto na claw. Os botões são táteis e responsivos, com uma vida útil prometida de 50 milhões de cliques, o que é impressionante.

Em termos de software, o iCUE da Corsair permite uma personalização completa, desde a iluminação RGB até a programação de macros. A interface é intuitiva e bem fácil de usar, e caso você tenha outros periféricos da marca e até peças de PC, como a memória RAM, pode controlar tudo por lá.

O Corsair M65 RGB Elite é um bom investimento de mouse gamer bom para qualquer jogador de FPS que leve a sério a precisão e a personalização. Seu preço pode ser um pouco salgado, mas para aqueles que querem uma experiência de jogo de alto nível, vale cada centavo.

Pontos positivos do Corsair M65 RGB Elite:

  • Peso ajustável para personalização do centro de gravidade
  • Sensor óptico de alta precisão com 18.000 DPI
  • Botão Sniper para tiros precisos
  • Design robusto com chassi de alumínio
  • Ergonomia confortável para várias pegadas

Pontos negativos do Corsair M65 RGB Elite:

  • Preço um pouco fácil
  • Plástico superior mancha fácil
Melhor PreçoReview Completo

10º - Logitech G Pro X SuperLight

Logitech G Pro X SuperLight

O Logitech G Pro X SuperLight é um dos melhores mouses gamer de 2023, seja para quem busca um modelo de alto desempenho, ou mesmo para aqueles que buscam um modelo ultra-leve. Outro ponto positivo é que ele é uma ótima escolha para quem busca um mouse sem fio.

O design do mouse ultra-leve da Logitech é simples e discreto, sem iluminação RGB e apenas com botões essenciais, o que pode agradar jogadores que buscam funcionalidade sem excessos. Apesar de sua simplicidade, ele não deixa a desejar no acabamento de qualidade. No entanto, a falta de um botão de mudança rápida de DPI pode ser um ponto negativo para alguns usuários.

A Logitech projetou este mouse com foco em usuários que preferem equipamentos leves, pois ele pesa apenas 63 gramas, mas sua qualidade pode atrair até mesmo aqueles acostumados com mouses mais pesados.

Em termos de usabilidade e conforto, o G Pro X SuperLight é excepcional. Sua leveza, combinada com os pés de PTFE, proporciona um deslizamento suave e preciso. O mouse se adapta bem a diferentes estilos de pegada, seja Palm, Claw ou Fingertip, e é confortável para mãos de tamanhos variados.

Equipado com o sensor Hero 25K, o G Pro SuperLight oferece até 25.600 DPI, garantindo precisão extrema para os gamers mais exigentes. No entanto, alguns testes apontaram inconsistências no rastreamento em altos DPIs, o que pode ser uma preocupação para jogadores que dependem de precisão absoluta, mas não percebi o impacto na prática, seja jogando ou usando no dia a dia.

A autonomia da bateria é outro ponto forte, prometendo até 70 horas de uso contínuo, e a funcionalidade de desligamento automático ajuda a preservar ainda mais a carga. É possível usar o mouse enquanto ele carrega, então é mais um acerto da marca.

O software da Logitech, GHub, permite uma personalização detalhada do mouse, desde a configuração do DPI até a criação de macros para os botões. Isso adiciona uma camada de personalização que muitos usuários vão gostar, apesar da ausência de um botão dedicado para troca rápida de perfis.

Pontos positivos do Logitech G Pro X SuperLight:

  • Extremamente leve
  • Confortável para diversas pegadas
  • Alta resolução de DPI
  • Bateria de longa duração
  • Personalizável via software
  • Funciona em modo com fio

Pontos negativos do Logitech G Pro X SuperLight:

  • Possíveis problemas de desempenho em altos DPIs
  • Falta de botão para mudança rápida de DPI
Melhor PreçoReview Completo

Conclusões

Com nossa seleção dos melhores mouses gamers de 2023, você está agora equipado com informações para fazer a escolha certa. No Manual da Compra, nos dedicamos a testar e avaliar para que sua decisão seja fácil e assertiva.

Um setup de qualidade também precisa ter outros periféricos de qualidade. Veja as nossas indicações de teclados mecânicos, headsets, cadeiras gamer e até uma lista com os melhores monitores gamers baratinhos. Precisa de um notebook novo? Também temos as indicações dos melhores notebooks gamer de 2023!

 

Esse artigo foi atualizado em 08/11/2023